ORÇAMENTO: INSERIR COMPOSIÇÃO E INSUMOS DIRETO DAS BASES

PRÉ-REQUISITOS:

Orçamento iniciado.

 

CONCEITO/OBJETIVO DA TELA:

No EVOP é trabalhar usando varias bases no mesmo orçamento. O orçamentista terá a opção de trabalhar com sua própria base, chamada base própria, ou com uma base de referencia de algum órgão público, e poderá também trabalhar com as duas no mesmo orçamento.

 

PASSO 1: ADICIONANDO COMPOSIÇÕES E INSUMOS DA BASE PRÓPRIA

Para trabalhar com a  base própria em seu orçamento, clique com o botão em cima do capitulo, no menu de ferramentas, clique em base Própria. Será mostrado duas opções: Adicionar Insumo ou Composição.

 

PASSO 1.1: ADICIONANDO COMPOSIÇÕES  DA BASE PRÓPRIA

Para adicionar uma composição, siga os passos acima e clique em Adicionar Composição, ou use o atalho CTRL 2.

 

 

Através dos filtros, escolha a composição a ser inserida no orçamento e clique em OK. Para fins de exemplo, a composição escolhida é a Placa de Obra em Chapa de Aço Galvanizado.

Importante: Vale ressaltar que é possível filtrar e selecionar varias composições de uma só vez, sem precisar fechar a tela de pesquisa. Após selecionada a composição, poderá filtrar outra composição, e após escolher todas as composições que desejar, clique em OK para adicionar todas de uma vez no orçamento.

 

 

Note que a composição foi inserida no orçamento juntamente com os serviços. Esses serviços são puxados de sua base própria, podendo ser editados no orçamento em questão ou no cadastro da Base Própria.

Importante: Caso edite os insumos no orçamento, o mesmo só será salvo nesse orçamento. Para editar de forma definitiva, para que a modificação seja feita nos próximos orçamentos, a edição terá que ser feita no Cadastro de Base própria. Falamos sobre isso em outro artigo: Cadastro de insumo na base própria.

 

 

PASSO 1.2: ADICIONANDO INSUMOS DA BASE PRÓPRIA

Para adicionar um insumo da base própria no orçamento, clique com o botão direito sobre o capitulo -> Base Própria -> Adicionar Insumo (CTRL 1).

 

Na janela de pesquisa, filtre os insumos, selecione e clique em OK.

 

 

Note que o insumo foi inserido no Capitulo, para alocar o insumo para uma composição, basta selecionar o insumo e com o cursos do mouse arraste o insumo para a composição.

 

PASSO 2: ADICIONANDO COMPOSIÇÕES E INSUMOS DA BASE REFERÊNCIA.

Para adicionar uma composição da base de referência, selecione o capitulo e clique como botão direito do mouse. Na janela de ferramentas, selecione Base de referência.

 

 

PASSO 2.1: ADICIONANDO COMPOSIÇÕES DA BASE REFERÊNCIA.

 

Para adicionar uma base de referência Analítica, siga os passos acima e nas opções de base de referência selecione Adicionar Composição Analítica (CTRL S).

 

Na tela de Pesquisa, selecione a tabela do Catalogo, Insumo e Composição da base de referência que deseja importar. Ao selecionar a primeira vez as tabelas, na próxima vez que for fazer a pesquisa, no mesmo orçamento, as tabelas já estarão selecionadas. Após pesquisar a composição, clique em OK.

Assim como na base própria, ao escolher uma composição analítica da base de referencia, o EVOP traz todas os serviços dessa composição.

 

 

PASSO 2.2: ADICIONANDO UMA COMPOSIÇÃO FECHADA DA BASE REFERÊNCIA.

Caso deseje inserir uma composição fechada, clique em Base de referência -> Adicionar Composição. (CTRL D)

 

 

 

Na tela de Pesquisa, selecione a base de referencia desejada, e pesquise a composição. Após escolher, clique em OK.

 

Note que a composição enviada para o orçamento foi fechada.

 

PASSO 2.3: ADICIONANDO UM INSUMO DA BASE REFERÊNCIA.

Para inserir um insumo, clique em Base de referência -> Adicionar Insumo. (CTRL A)

 

Na tela de Pesquisa, selecione a base de referência desejada, e pesquise o insumo. Após escolher, clique em OK.

 

 

Para colocar o insumo dentro de uma composição, basta arrasta-lo com o cursor do mouse e soltar dentro de uma composição.

Related Posts

Leave a comment

Send Comment