CADASTRO DE COMPOSIÇÃO

PRÉ-REQUISITOS:

Base Própria Conceitos.

Cadastro de Insumos.

 

OBJETIVO/CONCEITO  DA TELA:

Cadastro de novas composições no banco de dados da Base Própria.

 

PASSO 1: ABRA A TELA DE CADASTRO DE COMPOSIÇÃO

Na aba Base Própria da tela inicial, clique no botão Cadastro de Composição.

 

PASSO 2: CRIE UMA NOVA COMPOSIÇÃO

Na tela de Cadastro de Composição, crie uma nova composição desde o início clicando em Novo.

Você também pode criar uma nova composição a partir de outra existente. Saiba mais sobre o comando duplicar itens.

 

PASSO 3: ATRIBUA NOME, FAMÍLIA E GRUPO À COMPOSIÇÃO

Escreva o nome da nova composição no campo descrição.

Clique no botão Localizar para atribuir a Família, o Grupo e Tipo de Grupo da nova composição.

Utilize o filtro de Tipo de Grupo para verificar os Grupos e Famílias existentes na base de dados ou busque a Família pela descrição e clique em Filtrar. Selecione com duplo clique ou com botão OK. Caso não encontre a opção desejada, é possível criar novos parâmetros através de Cadastro de Família de Composições e Cadastro de Grupo de Composições.

 

PASSO 4: INDIQUE A TABELA DE PREÇO E UNIDADE DE MEDIDA

Selecione a Tabela de Preço da Base Própria à qual o valor da composição ficará vinculada.

Clique no botão Localizar para atribuir a unidade de medida da composição.

Clique diretamente na opção Filtrar para exibir todas as unidades de medida ou utilize os filtros de busca. Selecione o parâmetro desejado e clique em OK.

Caso a unidade de medida desejada não esteja disponível, é possível Cadastrar nova Unidade de Medida.

 

PASSO 5: INSIRA OS ITENS DA COMPOSIÇÃO

Clique no botão de adicionar itens à composição “+” e escolha entre as opções Insumo ou Composição.

Utilize os filtros de Pesquisa de Insumo ou Pesquisa de Composição para localizar o item desejado.

É possível selecionar mais de uma composição ou mais de um insumo antes de sair da tela da pesquisa. Para tanto, certifique-se de que marcou o check-box do item antes da nova busca. Ao final clique em OK.

Preencha os coeficientes de consumo dos itens no campo Índice, respeitando a unidade de medida cadastrada para a nova composição. Por exemplo, para produzir 1 m² de determinada parede de alvenaria de 1 vez são necessários 0,0138m³ de argamassa, 54 blocos cerâmicos (considerando as percas de material), 1,14 horas de pedreiro e 0,88 hora de servente.

 

PASSO 6: INDIQUE A PRODUTIVIDADE

Como padrão do sistema,  a produtividade da equipe para a realização do serviço cadastrado será 1,00. Ou seja, será respeitada a quantidade de horas prevista nos índices da composição.

É possível variar a produtividade média da equipe e dos equipamentos. Para tanto, marque o check-box VCP (Varia Conforme a Produtividade) e altere a produtividade Média ou o campo de Visualizar.

Observe as interferências da variação de produtividade no preço total da composição, na quantidade de horas de itens marcados com VCP e nas tabelas Resumo e Equipe.

A tabela Resumo demonstra a distribuição percentual de custos de Mão de Obra, Material, Equipamento e Serviços Terceirizados da composição. A tabela Equipe indica a quantidade de horas de equipe necessária para a execução do serviço previsto na composição e irá compor o Histograma de Mão-de-Obra dos cronogramas.

 

PASSO 7: COMPLEMENTAÇÕES

Opcionalmente podem ser preenchidas observações complementares  na aba Informações.

As Normas Aplicáveis e Especificações Técnicas são exibidas conforme as informações inseridas no Cadastro de Família da Composição.

Sempre que necessário clique em Salvar. Para continuar a edição do insumo, clique em Editar.

Leia também: Criar composição a partir do orçamento.